Equinor e parceiros alinham totalmente os interesses na descoberta de óleo da Carcará

19 de Junho de 2019 16:10 CEST | Last modified 19 de Julho de 2019 12:06 CEST

Equinor e Barra Energia concluíram a transação anunciada em 4 de julho de 2018, pela qual a Equinor adquiriu a participação de 10% da Barra Energia no bloco BM-S-8 na Bacia de Santos, por um total de US$ 379 milhões.

Após a conclusão desta transação, a Equinor, a ExxonMobil e a Galp também concluíram as duas transações posteriores anunciadas anteriormente em 4 de julho, em termos equivalentes aos da transação da Barra Energia.

Como resultado, os interesses da Equinor e de seus parceiros nas duas licenças da área de Carcará estão totalmente alinhados.

 

BM-S-8 (após a conclusão da transação com Barra Energia)

BM-S-8 (após a conclusão da transação com ExxonMobil e Galp)

Norte de Carcará

Equinor

46.5% (operador)

40% (operador)

40% (operador)

ExxonMobil

36.5%

40%

40%

Galp

17%

20%

20%